Por dentro de uma verdadeira casa britânica

home-sweet-home2

Quando nos mudamos para nossa atual casa falamos no post Em busca do lar doce lar sobre a dificuldade de encontrar uma casa legal para morar e também sobre o golpe em que quase caímos. Mostramos algumas fotos, mas não apresentamos nosso cantinho para vocês, de verdade, como vocês merecem. =)

Por isso, hoje pensamos em fazer algo diferente: um vídeo mostrando exatamente como é o lugar em que moramos. Sinceramente?! Somos MUITO privilegiados. Nossa casinha tem cara de casa de verdade – o que a maioria que visitamos não tem.

Antes de você conferir todos os detalhes do nosso cantinho, aproveito para falar sobre algumas coisas que esqueci na hora da gravação (nervosismo bateu no meu primeiro vídeo. hehe).

Nossos “irmãos”

Como vocês verão no vídeo, e como falamos neste post, moramos com mais quatro rapazes:

*um escocês (o Gerry, que mora na primeira porta, e que tem praticamente uma casa toda só para ele – não divide nada conosco);

*um inglês (o Mark, que mora na segunda porta, e que vive palpitando em tudo o que fazemos);

*um português (o Luiz, que mora no sótão e que é muito gente boa – nos ensinou onde fica o mercado mais barato da região, o Morrison’s);

*um chinês (que até hoje não descobrimos o nome e que mora do lado do toilet!).

Nosso relacionamento com eles não é muito intenso. Nos damos bem com todos, mas não somos amigos. Logo que chegamos, o dono da casa (landlord, como eles chamam as pessoas que alugam casas) nos explicou que não poderíamos fazer festas, porque esse era o acordo entre a rapaziada.

Por um lado isso é muito bom, já que a casa está sempre organizadinha e ninguém se incomoda com bagunça alheia. Por outro lado isso é péssimo, já que muitas vezes sentimos falta de amigos por perto. Até pensamos em trocar de casa por isso, mas ao ver nosso vídeo você vai entender por que ainda estamos aqui… =)

Detalhes

nossa adorável rua
nossa adorável rua

Na cozinha, tudo é meu, teu, dele, nosso, deles; menos a comida. Dividimos talheres, pratos e panelas com nossos “irmãos”, mas temos nosso próprio frigobarzinho (que às vezes é pequeno para nossa fartura e o Mark, então, nos cede uma gaveta da geladeirona deles) e a comida ali é só nossa.

No valor do aluguel (£600 por mês, para nós dois), estão incluídas todas as contas: luz, água, telefone (ligações locais; para telefones fixos) e internet.

Chega de papo. Vamos ao vídeo, que mostra bem como é o nosso cantinho e que fará você entender como é uma casa tipicamente britânica. Os méritos do vídeo caprichadinho são todos do meu excelentíssimo. =)

Espero que vocês tenham gostado. Elogios e críticas ao meu desempenho são bem-vindos. hehe

Quer saber mais alguma coisa sobre a nossa casa? Deixe um comentário ou escreva para nós no contato@praveremlondres.com.br. Responderemos com o maior prazer! :)

Um beijo e até o próximo post,

Nah.

Dê vida ao Pra Ver no Mundo. Comente!

Parceiros

Booking.com

Siga-nos

22 thoughts on “Por dentro de uma verdadeira casa britânica

  1. Show o video!!!! Nah seu conhecimento em construção civil me surpreendeu “O pé direito da casa é alto”..Falá sério essa você colou né?? rsrs =) …. Bjss

  2. Nahhhhh!!!
    Adorei o vídeo, o post, seus comentários, informações, tudooo!!!!!
    Agradeço à  tecnologia e à  internet por não deixar vc tão longe… hehehe

    Não deu tempo de comentar os outros posts, mas adoreeeeei sobre os festivais de música e Wimbledon.. dá pra ver que vc está no lugar certo, hein!!!

    Beijos

  3. Ameiiiiiiiiiiiiii casal!!!!! Vcs sao demais mesmoooo!!!!! Parabéééns!!!!
    A casa parece suuuper aconcheganteeee e a vista nem se fala… =)
    Acho q vou me assustar tbm com os barulhos da escada do quarto do lado haha… mas td bem sei q nao eh nenhum espírito e isso ajuda bastante na minha concentração a noite hahahaha..
    Ahhh e depois quero uma fotinho minha nessa parede heiiinnn hehe
    Bjaoooooo

  4. Lindos!
    O vídeo de vocês ficou ótimo!! Parabéns!!
    Obrigada por compartilharem sua vida em Londres conosco, sempre que posso dou uma passada por aqui pra ver o que vocês andam aprontando por aí e claro pegar as dicas tão preciosas que ajudam muito quem assim como eu está com planos de morar aí em breve.
    Pergunta: Em que vocês trabalham aí?

    Bjos

    Haure

    1. Obrigada pelo elogio, Haure! =)

      Não tínhamos pensando em escrever sobre o que fazemos porque não seguimos o padrão dos brasileiros que moram por aqui, já que por sorte mantivemos nossos trabalhos brasileiros.
      Mas, como percebemos que mais gente tem interesse em saber no que trabalhamos, já programamos esse post. Ele entra por aqui em breve, ok?

      Beijos e continue nos acompanhando.

      Natasha e João.

  5. Confesso que fiquei meio assustada com relação a morar com outras pessoas. Não sei se eu conseguiria. No mais, a casa é muito linda e bem organizada e espero um dia realizar meu sonho de conhecer a Inglaterra. Esse site é muito bom, parabéns pela organização e obrigada pelas dicas ;)

    1. Que bom que gostou do blog, Polyana, ficamos felizes em saber. :)
      Pois é, dividir casa não é tarefa das mais fáceis, mas a gente aprende MUITO com essa experiência, então quando é preciso economizar dindin pra realizar este sonho pode valer a pena. ;)
      Obrigada pela visita e pelo comentário. Volte sempre. :)
      Precisando de qualquer coisa conte conosco.
      Beijos

  6. Querida! adoro ver iniciativas assim! Mas como assim quase tiveram um golpe? Conta mais! Quando fomos alugamos pelo airbnb. Foi muito dificil achar esse lugar pra morar?

    Beijos!

    1. Pois é, guria, a tentativa de golpe foi assim: apês liiiindos apareciam com preços baixíssimos. Aí a gente ia tentar marcar uma visita o cara cobrava um valor adiantado (que devia ser pago via Western Union) e, caso a gente pagasse, provavelmente quando chegássemos lá não ia ter apê nenhum, entende? :(
      Uma merda.
      Essa casa é a que ficamos na temporada Londres 2010. hehe
      Na época foi +/- fácil encontrar.
      Este ano foi mais difícil. Mas logo contamos sobre isso. ;)
      Obrigada pela visita e pelo comentário.
      Beijos

    1. :(
      Que pena que não conseguiu ouvir, Anita. Eu assisti de novo e consegui ouvir, mas talvez porque a voz seja minha, né? hehe
      Desculpe-nos, vamos nos preocupar mais com isso nos próximos vídeos. ;)

  7. Muito bom o post, ver como é uma coisa que você vai viver antes hahahaha

    Em breve estarei na busca por algum lugar para morar ai em Londres também, em agosto estou de ”mudança” para ai, qualquer coisa vou gritar por vocês ein :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

Recentes

NATASHA & JOÃO

Em 2010 fomos fazer um intercâmbio em Londres e lá nasceu o blog. De lá pra cá muita coisa mudou, menos a nossa vontade de explorar o mundo.

Assine nossa newsletter e receba dicas em primeira mão!