EDITORIAS
Boas histórias de viagem por um casal de jornalistas
 

Por dentro do estádio do Chelsea em Londres

Futebol, pra gente, é coisa séria. Ontem (quarta-feira, 02/07) ficamos até às 3h da matina acordados para ver o jogo do nosso Coritiba. Já viajamos 24h de ônibus para conseguir chegar em tempo para um jogo (um vulcão entrou em erupção e os aeroportos fecharam – contei essa história aqui). Certa vez, dormimos na rua na frente do estádio do Coxa para, na manhã seguinte, garantir nossos ingressos para final do campeonato paranaense (gente doida!).

Sempre foi e sempre será o melhor #PraVerEmCuritiba. #atletiba #coritiba #coxadoido #instaarquibancada #curitiblogando #cfc

A photo posted by Pra Ver Em Londres (@praveremlondres) on

Talvez por conta desse amor louco pelo alviverde paranaense, não conseguimos engatar uma paixão verdadeira por nenhum time de Londres. Já fomos em jogos do Chelsea e do Tottenham, mas o amor não surgiu de verdade com nenhum dos dois times. Até torcemos, apoiamos, mas… humm… não é o Coxa, sabe? :)

Talvez por isso [2], falamos muito pouco sobre futebol por aqui (temos um post escrito pelo meu irmão do meio sobre o “inglesão” de 2013/2014, outro sobre nossa visão de um título do Chelsea e mais um sobre a Copa de 2010). Sempre que estamos em Londres, sentimos saudade do nosso Cori, aí já viu, né?, melhor não começar a falar do assunto porque o coração fica apertado e os olhinhos se enchem de lágrima. #drama :’)

Só que um dia desses, depois de assistir pela televisão à comemoração do Chelsea pela conquista do título do campeonato inglês, a gente se olhou e disse: “Chega de palhaçada, tá na hora de deixar o verdão um pouquinho de lado e explorar o lado futebolístico de Londres!”. O estádio escolhido para iniciarmos nossa peregrinação pelos templos do futebol na cidade foi o do Chelsea justamente por ele ser o mais recente campeão inglês. Bora saber como foi a visita? ;)

Vem com a gente!

Vem com a gente!

O tour pelo Stamford Bridge

Quando o horário do próximo tour vai se aproximando (detalhes no fim do texto), pessoas de todas as idades e de vários países tomam a loja do museu do clube, que é onde tudo começa.

Acho muito legal quando, além das camisas tradicionais de jogo, os clubes fazem essas diferentonas. As do Chelsea são muito lindas. Amei!

Acho muito legal quando, além das camisas tradicionais de jogo, os clubes fazem essas diferentonas. As do Chelsea são muito lindas. Amei!

Ali, no meio de camisas do time, chaveiros, bolas com o escudo dos blues e diversos outros souvenires que deixam qualquer amante do futebol louco, o que chama a atenção mesmo é o que está no canto direito da loja. Em uma pequena redoma de vidro fica guardado o símbolo da mais recente conquista do time comandado por José Mourinho: a taça do campeonato inglês, conquistada em maio de 2015. Por £10, você pode tirar uma foto com a taça e levar essa recordação para casa.

Mas se não quiser fazer esse investimento, pode só contemplar o belo troféu de longe (não invente de tirar foto porque vai levar bronca) e seguir para o tour, que, querendo ou não, também é um prêmio para os amantes do futebol.  Na saída da loja, o guia orienta o grupo e explica por onde iremos passar. “Diferentes áreas do estádio, sala de imprensa (os jornalistas piram), vestiários (visitante e dono da casa) e até túnel de entrada no gramado”, adiantou o carismático “Chelsea fan” que nos apresentou as dependências do clube. “Parece legal”, pensei. :) 

E foi! :)

E foi! :)

Em cerca de uma hora e meia de passeio, nosso guia, que entendia tudo de Chelsea e de futebol, contou excelentes histórias (algumas detalhadas nas legendas das fotos, não deixe de ler), apresentou o estádio e contou sobre os bastidores de um jogo na casa dos blues. Além, é claro, de dar tempo para todo mundo tirar fotos em todos os setores e fazer perguntas.

A sala de imprensa foi uma de nossas primeiras paradas. Ali, nosso guia (o moço da esquerda, na foto) nos contou que desde 2008 os contratos de TODOS os jogadores que chegam para fazer parte do time do Chelsea são assinados nessa mesa que está na foto. Além disso, ele nos contou que o Chelsea se preocupa em agradar os jornalistas estrangeiros que vêm acompanhar os jogos no Stamford Bridge. Por exemplo: se o Chelsea vai jogar contra o Barça, na sala de imprensa tem quitutes espanhóis, para agradar os jornalistas da Espanha. Se o jogo é contra o Bayern de Munique, as delícias servidas aos jornalistas são alemãs. E assim por diante. Quanta gentileza, não? :)

A sala de imprensa foi uma de nossas primeiras paradas. Ali, nosso guia (o moço da esquerda, na foto) nos contou que desde 2008 os contratos de TODOS os jogadores que chegam para fazer parte do time do Chelsea são assinados nessa mesa que está na foto. Além disso, ele disse ainda que o Chelsea se preocupa em agradar os jornalistas estrangeiros que vêm acompanhar os jogos no Stamford Bridge. Por exemplo: se o Chelsea vai jogar contra o Barça, na sala de imprensa tem quitutes espanhóis, para agradar os jornalistas da Espanha. Se o jogo é contra o Bayern de Munique, as delícias servidas aos jornalistas são alemãs. E assim por diante. Quanta gentileza, não? :)

Mas o tratamento dado aos jornalistas estrangeiros não se repete no vestiário dos adversários (esse da foto). Tudo ali foi pensado para prejudicar a preparação dos rivais. O vestiário é "apertado" (não que seja minúsculo, em 2003 eles ampliaram um pouco), o quadro estratégico fica em uma posição péssima (atrás da porta - que precisa ficar ABERTA! haha), os armários ficam localizados na parte inferior dos bancos, para dificultar a missão dos jogadores de pegar os materiais que precisam e assim por diante. Nesse vestiário já estiveram figuras como David Beckham, Del Piero, Henry, Cristiano Ronaldo e Messi (que nunca marcou um gol contra o Chelsea!). Ah, e sabe onde o Cristiano Ronaldo costuma sentar quando está no Stamford Bridge? No primeiro assento do banco, que fica bem ao lado da porta. Por quê? É porque é ali que fica o espelho! hihihi. Juro que foi isso que o guia contou!

Mas o tratamento dado aos jornalistas estrangeiros não se repete no vestiário dos adversários (esse da foto). Tudo ali foi pensado para prejudicar a preparação dos rivais. O vestiário é “apertado” (não que seja minúsculo, em 2003 eles ampliaram um pouco), o quadro estratégico fica em uma posição péssima (atrás da porta – que precisa ficar ABERTA! haha), os armários ficam na parte inferior dos bancos, para dificultar a missão dos jogadores de pegar os materiais que precisam e assim por diante. Nesse vestiário já estiveram figuras como David Beckham, Del Piero, Johan Cruyff, Eusébio, Henry, Cristiano Ronaldo e Messi (que nunca marcou um gol contra o Chelsea!). Ah, e sabe onde o Cristiano Ronaldo costuma sentar quando está no Stamford Bridge? No primeiro assento do banco, que fica bem ao lado da porta. Por quê? É porque é ali que fica o espelho! hihihi. Juro que foi isso que o guia contou!

Já o vestiário do Chelsea é espetacular. Bem espaçoso, com os armários posicionados na altura ideal para os jogadores pegarem suas coisas sem sofrimento, banheiras iguais às usadas pela Rainha e assim por diante. Além disso, os jogadores que falam a mesma língua ficam sentados próximos. Assim, um ajuda o outro quando a barreira do idioma é um problema na comunicação com os colegas e com o treinador.

Já o vestiário do Chelsea é muito superior. Bem espaçoso, com os armários posicionados na altura ideal para os jogadores pegarem suas coisas sem sofrimento, banheiras iguais às usadas pela Rainha e assim por diante. Além disso, os jogadores que falam a mesma língua ficam sentados próximos. Assim, um ajuda o outro quando a barreira do idioma é um problema na comunicação com os colegas e com o treinador.

Prestigiamos os brazucas, claro. :)

Prestigiamos os brazucas, claro. :)

O time do Chelsea entra pelo lado direito. os adversários, pelo lado esquerdo. Todos os jogadores do blues batem no escudo quando estão passando por ali.

O time do Chelsea entra pelo lado direito. os adversários, pelo lado esquerdo. Todos os jogadores do blues batem no escudo quando estão passando por ali.

Na beira do gramado, o nosso guia contou que as cadeiras dos reservas do Chelsea são aquecidas quando o dia está frio e que o gramado é 97% real e 3% de grama artificial. Como nossa visita foi em uma época de intertemporada, o gramado passava por revitalização - por isso estava coberto desse jeito.

Na beira do gramado, o nosso guia contou que as cadeiras dos reservas do Chelsea são aquecidas quando o dia está frio e que o gramado é 97% real e 3% de grama artificial. Como nossa visita foi em uma época de intertemporada, o gramado passava por revitalização – por isso estava coberto desse jeito. Onde a galera está sentada é onde ficam os jogadores reservas. Repare como eles ficam próximo da torcida!

Curiosidades que descobrimos visitando o Stamford Bridge

Bastante coisa bacana, não? :)

Além disso tudo, nosso guia também nos contou algumas curiosidades gerais sobre o estádio, sobre os dias de jogos e sobre a história do Chelsea. Olha só:

– O Stamford Bridge pode receber até 41.620 torcedores em dias de jogo;
**
– Em 1974, o lado leste do estádio foi reconstruído. Depois disso, nenhuma grande mudança aconteceu. Eles até gostariam de ampliar ainda mais o estádio, mas a única área que poderia ser ampliada no momento tem um hotel bem atrás, o que dificulta que isso aconteça – o hotel precisaria ser derrubado para a ampliação poder acontecer;
**
– Em dias de jogo, cerca de 200 profissionais de segurança trabalham no Stamford Bridge;
**
– A família dos jogadores fica em uma área chamada de “glass box”, ou caixa de vidro. Cada jogador tem direito a até quatro ingressos por jogo;
**
– Na Champions League, 25% da área do estádio é destinada a torcedores do time adversário. Na Premier League, os times maiores costumam levar cerca de 3.100 torcedores para ocupar esse espaço. Uma verdadeira aula de Chelsea, na melhor sala de aula possível! :)
**

chelsea stamford bridge tour - pra ver em londres-3

Acima do “We are the champions” fica uma das áreas VIPs do estádio. Celebridades volta e meia vão como convidados e não precisam pagar para consumir quitutes e bebidas. Reles mortais, como você e eu, podem até comprar ingressos, mas não contam com regalias – e, claro, pagam bem caro. Acima dessa área VIP, onde estão as cadeiras pretas, é onde fica Mr. Abramovich (o dono do clube) e sua tchurma.

Gostamos bastante. Mas quer saber? Tanto quanto curtimos o estádio em si, curtimos o museu. Quem paga pelo tour tem direito a visitá-lo (antes ou depois do tour!).

O museu é interativo demaaais. Tem espaço pra você dar uns chutes numa bola e tentar acertar alvos específicos, tem uma área em que você pode ver os melhores momentos de cinco grandes jogos do time, tem um display com camisas de vários jogadores importantes (você pode selecionar cada uma e saber um pouco sobre o jogador em questão), tem os detalhes da construção do estádio, vários troféus importantes e até uma remontagem da sala de Mourinho – e um dos casacos clássicos que ele usa quando está comandando o time na beira do campo. Muito, muito legal mesmo!

Olha só umas fotos que fizemos lá:

museu do chelsea - futebol em londres - pra ver em londres

museu do chelsea - futebol em londres - pra ver em londres-7   museu do chelsea - futebol em londres - pra ver em londres-9

O cantinho do Mourinho. :)

O cantinho do Mourinho. :)

Esses vídeos dos jogos mais marcantes do Chelsea (na opinião dos torcedores) são simplesmente incríveis. Fiquei horas ali sentada assistindo (aham, nessa posição desconfortável mesmo. hahaha)

Esses vídeos dos jogos mais marcantes do Chelsea (na opinião dos torcedores) são simplesmente incríveis. Fiquei bons minutos ali sentada assistindo (aham, nessa posição desconfortável mesmo. hahaha)

Troféus, troféus e mais troféus. Qualquer torcedor de futebol adoraria que essa coleção toda fosse do seu time. OUVIU, CORITIBA? =D

Troféus, troféus e mais troféus. Qualquer torcedor de futebol adoraria que essa coleção toda fosse do seu time. OUVIU, CORITIBA? =D

Go blues!

Go blues!

Pra quem curte futebol, este é um excelente programa para fazer em Londres. Fora que a região em que o estádio fica é superlegal (Fulham Broadway/Chelsea), então você pode almoçar pelos arredores, bater perna por ali, explorar bem o bairro e ter um dia ultra gostoso. :) Fizemos uns registros bacanas do nosso passeio por lá, ó:

chelsea - bairros de londres - pra ver em londres-5

chelsea - bairros de londres - pra ver em londres-4

chelsea - bairros de londres - pra ver em londres-2

chelsea - bairros de londres - pra ver em londres-3

chelsea - bairros de londres - pra ver em londres –> Quem aí quer um roteiro a pé por Chelsea logo mais? Já temos um por Greenwich e outro partindo da Tower of London. Vale a pena clicar nos links. ;)

Programe-se!

–> Como chegar?

O estádio Stamford Bridge fica na Fulham Road, London, SW6 1HS

A estação “Fulham Broadway” do metrô (District Line – verde) fica a poucos metros dali

–> Quanto custa o tour?

Há diferentes formatos de tour. O clássico, que é o que a gente fez, custa £19 para adultos (acima de 16 anos), £13 para crianças (entre 5 e 15 anos). Menores de 5 anos não pagam. Esses preços são para compra pela internet. Se você comprar por esse link não paga taxa extra e ainda nos faz ganhar uma pequena comissão. Quem compra na hora paga sempre £2 a mais!

–> Horários de funcionamento:

  • De segunda a sábado, os tours acontecem das 10h às 17h (iniciando a cada 20 minutos)
  • Aos domingos, os tours acontecem das 10h às 16h20
  • Já a loja, abre das 09h30 às 18h de segunda a sábado e das 09h30 às 17h aos domingos
  • O museu funciona das 09h30 às 18h30 de segunda a sábado (última entrada às 18h) e de 09h30 às 18h aos domingos (última admissão às 17h20)
  • Há algumas datas em que o tour não está disponível. Clique aqui para saber quais são.

–> Visite o site para saber mais: http://www.chelseafc.com/

*Agradecemos ao pessoal do marketing do Chelsea pelo convite e pela parceria! :)

Assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades do blog

Nossa newsletter é gratuita e os assinantes recebem os posts novos em primeiríssima mão. Prometemos não fazer spam, só queremos garantir que você não perca nada de bom que rola por aqui. Bora assinar?

Assine nossa newsletter!

Assine nossa newsletter e receba novidades!

Digite seu nome e e-mail. Você receberá um pedido para efetivar o cadastro. =)







Dê vida ao Pra Ver em Londres. Comente!

Written by

Jornalista, autora do Pra Ver Em Londres e empreendedora digital. Sou completamente apaixonada por Londres e um dos meus maiores vícios é falar sobre a cidade com quem estiver interessado. Um dos meus objetivos de vida é ajudar as pessoas que querem viajar mais e melhor gastando menos reunindo aqui minhas dicas pessoais de viagem. Tenho sempre cinco livros na cabeceira da cama e milhões de destinos na cabeça. Sou sonhadora por natureza.

Latest comments
  • Uma delícia de tour! Go Blues!! Mas eu gosto mais do Liverpool, então sugiro um dia uma visita lá para contar para a gente. Que tal?

  • AEEEEE, MATÉRIA SOBRE FUTEBOL, AEHOOOOOO! haha
    Muito massa o tour, mas da para ver que o estádio do Chelsea é um pouco antigo (comparado a outros times do mesmo nível) e o vestiário dos visitantes é sacanagem. No mais, é um estádio com cara de time médio da Inglaterra.

    Façam um tour no Emirates e no Wembley também, como são estádios novos, deve ser tudo de ponta. :D

    Parabéns pelo post, um abraço para o casal.

    Ps.: Não vou concorrer ao ingresso por dois motivos: Não vou a Londres esse ano [:(] e meu coração é vermelho, a torcida fica para os lados de Merseyside. GO REDS, YNWA!

  • Oi pessoal!!

    Queria muito muito muito ganhar os ingressos para o tour no estádio e vou contar porque eu mereço!

    Eu e meu namorado estávamos com viagem programada pra Londres em setembro, mas por conta de problemas do meu trabalho, tivemos que remarcar para novembro. Só que em novembro acontecem os shows do Pearl Jam no Brasil e meu namorado que é muito fã vai perder por causa da viagem.
    Desde então estou tentando uma maneira de compensá-lo e esse seria um passeio incrível, ele é louco por futebol e muito fã do Chelsea!!!
    Claro que uma viagem pra Londres é incrível, mas sei que ele ficou com o coração um pouco partido por não ver sua banda favorita.
    E aí, vocês me ajudam a fazer um agradinho e uma mega surpresa pra ele?!
    Obrigadaaaaa!!!

  • Nah e João, muuuuuuuuito bom!!! Lindo Museu. Para compensar, já que ainda não conheço o Chelsea, lembrei do nosso, aqui de São Paulo, o Museu do Futebol do Pacaembu. Beijosss

  • Olá Natasha! Gostei muito do post, pois sou fã de um bom futebol.Claro que tenho o meu time do coração aqui no Brasil, mas no quesito organização, acredito que os estádios brasileiros estão a anos luz de distância dos europeus. E o estádio do Chelsea me impressionou muito pela beleza, conforto e segurança. Gostaria que continuassem a visitar outros estádios ingleses e registrar suas impressões para nós, leitores. Ah, e dou total apoio à sugestão de sua mãe em relação ao Liverpool… aguardo ansioso por este post! Abraços, José Júnior.

  • Sencional. Que trabalho bem feito, bem detalhado. Para um fanático como eu ver uma matéria assim é muito bom. Fiquei até arrepiado em ler a matéria. Só faltou foto das lendas clube. E sobre a apliação do estádio: Já existe um projeto e se for aprovado pelo Conselho as obras devem começar já na próxima temporada.

  • Boa tarde! Sou fanático por futebol e sigo mais o futebol inglês que o brasileiro. Na próxima sexta vou para Berlin depois Munique e para finalizar Londres! Gostaria de concorrer a esse tour no estádio no Chelsea para finalizar a viagem com chave de ouro! E se tiver sorte quero tentar assistir a algum jogo pré temporada até com times da segundona do inglês!!! Entrei no blog pq sigo vcs no IG e gostaria de alguma dica de pub com boa ceva e som de qualidade (de preferência indie rock!) gde abs
    João Vicente

  • Que massa Nah!! Que belas imagens! Me senti fazendo esse tour. Parabéns!! Vou ficar aguardando de outros clubes.

    Forte abraço!

  • Muito legal o post!! Ótimas fotos! Em outubro visitarei a minha irmã em Londres e estou programando conhecer o Stamford Bridge e o Emirates Stadium. Se ganhar o ingresso de vocês será sensacional e, não vou negar, as libras economizadas serão utilizadas em alguns pints no pub mais próximo ao sair do estádio hahaha!
    Abraço e parabéns novamente pelo site!

  • Esse ano ta feia a coisa lá no stamford bridge hahaha, quero ver ano que vem com o Conte, acho ele um bom treinador, vamos ver como vai rolar!

LEAVE A COMMENT