EDITORIAS
Boas histórias de viagem por um casal de jornalistas
 

Ripley’s Believe it or Not: acredite se quiser, você vai se surpreender

Pra Ver em Londres - Ripleys Believe it or Not - LondonPiccadilly Circus é um dos corações de Londres. É quase impossível visitar a cidade e não dar pelo menos uma passadinha por ali. Além dos letreiros luminosos, dos cruzamentos de ruas importantes, da estátua de Eros e das várias lojas e restaurantes, é ali que mora o museu de curiosidades Ripley’s Believe it or Not, que desde 2010 chamava nossa atenção, mas nunca tínhamos tido a oportunidade de entrar e ver “qual é”.

Até que no começo deste ano o departamento de Marketing do Ripley’s nos convidou para conhecer a atração. A gente aceitou o convite, claro. E hoje conto pra você o que achamos. :)

Vem comigo.

Avaliação geral

Confesso pra você que não fomos ao Ripley’s com a expectativa muito alta. Pelo contrário, até tínhamos medo de ser uma espécie de “tourist trap” (atração pega-turista, sabe?), mas nos surpreendemos.

Saímos de lá tendo descoberto um monte de coisas interessantes, malucas, curiosas e divertidas, e achamos que no fim das contas o Ripley’s Believe it or Not pode ser uma boa opção de passeio para quem visita Londres com crianças (curtimos mais do que o aquário e que o Madame Tussaud’s, por exemplo), para quem curte umas bizarrices e quem não se importa em gastar umas libritchas extras para descobrir fatos “aleatórios”.

Digo isso porque o fator preço assusta um pouco. Em 2014, adulto paga £26,95 (pelo combo Ripley’s + Labirinto de Espelhos + Laser Race), criança £21,95 e família (dois adultos + duas crianças) £87,95.

São seis andares que reúnem mais de 700 curiosidades, e o tempo da visita depende do seu interesse – a gente ficou mais ou menos 2h30 explorando tudo por lá e depois brincando de fugir de lasers, o que foi extremamente divertido.

Off topic sobre o LaseRace: Foi realmente muito legal brincar de se esquivar de lasers, mas a gente achava que ia ser assim…

… e na verdade era tipo um labirinto de lasers e a gente não podia encostar em nada. Exigia concentração e foco. Beeem legal. Ficamos felizes com nosso resultado e comemoramos tipo assim:

tumblr_mqzvn0TlUa1sp9fcho1_500

Marshmallow and Lillypad em um momento “we rock”. :)

O outro extra do Ripley’s, o labirinto de espelhos, também era bem interessante. Alguns minutos procurando uma saída provocou em mim até uma agoniazinha, mas valeu a pena formar um time com o marido para sair de lá. ;)

Mas, claro, os seis andares de curiosidades é que realmente importam no museu. E para você poder concluir se esse programa é ou não “a sua praia”, reúno aqui algumas fotos que mostram algumas das curiosidades que mais chamaram nossa atenção…

Sabe qual a matéria prima dessa escultura dos Beatles? Chiclets. Isso mesmo, goma de mascar, bubble gum, "chiclé". O autor dessa "obra de arte" é Enrique Ramos. E aí, interessante ou nojento? Eu achei curioso. haha

Sabe qual a matéria prima dessa escultura dos Beatles? Chiclets. Isso mesmo, goma de mascar, bubble gum, “chiclé”. O autor dessa “obra de arte” é Enrique Ramos. E aí, interessante ou nojento? Eu achei curioso. haha

Uma das minhas obras preferidas no Ripley's, este é o obama desenhado utilizando o seu discurso pós-eleição. Não é incrível?

Uma das minhas obras preferidas no Ripley’s é este Obama desenhado utilizando o seu discurso pós-eleição. Não é incrível?

Obama no detalhe

Obama no detalhe

A primeira-dama norte-americana também está no Ripley's de Londres. Seu retrato é feito de tampinhas de garrafa. <3

A primeira-dama norte-americana também está no Ripley’s de Londres. Seu retrato é feito de tampinhas de garrafa. <3

A cerveja mais antiga do mundo. Pensa nos olhinhos brilhando do casal cervejeiro aqui. :)

A cerveja mais antiga do mundo. Pensa nos olhinhos brilhando do casal cervejeiro aqui. :)

A baixinha e o altão. Coitadas das pessoas que conviviam com este cidadão. Já pensou a dor no pescoço pra falar com ele?

A baixinha e o altão. Coitadas das pessoas que conviviam com este cidadão. Já pensou a dor no pescoço pra falar com ele?

Ó o tipo desse homem lagarto.

Ó o tipo desse homem lagarto.

Legal, né? Mas não é só isso, não. Tem coisas do tipo Kate Middleton feita só com beijo de batom (AHAM!), uma área dedicada aos tempos medievais (e a todas as coisas loucas que rolavam nesse período), outra dedicada aos fatos curiosos do fundo do mar, uma mandíbula de tubarão, um buraco nego para você atravessar, etc. etc. etc.

Aproveito a pausa nas fotos pra contar que essa coleção de curiosidades começou a ser montada por um viajante. Robert Ripley, em suas diversas viagens pelo mundo, coletou e catalogou tudo que lhe chamou a atenção, e isso acabou virando tema para história em quadrinho e, depois, museu – hoje o Ripley’s está em mais de 30 cidades; 13 fora dos Estados Unidos, incluindo Londres, claro.

E muitas das curiosidades despertam na gente aquele “ah é?”, que é bem o espírito do acredite se quiser. :)

Enfiiiim, bora ver mais fotos?

Tá aí uma das coisas mais bizarras do museu: uma privada portátil (ou poderíamos chamar de penico? haha) com a foto de um antigo Primeiro Ministro britânico no fundo. Obra de outro Primeiro Ministro, pasme. Isso mesmo, Benjamin Disraeli pediu que desenhassem William Gladstone no seu banheirinho particular. haha

Tá aí uma das coisas mais bizarras do museu: uma privada portátil (ou poderíamos chamar de penico? haha) com a foto de um antigo Primeiro Ministro britânico no fundo. Obra de outro Primeiro Ministro, pasme. Isso mesmo, Benjamin Disraeli pediu que desenhassem William Gladstone no seu banheirinho particular. haha

O artista norte-americano Daniel Diehl resolveu fazer uma série de retratos de pessoas que morreram precocemente por causa do cigarro utilizando como matéria prima a fumaça - claro. Este é Edgar Allan Poe. Interessante, não?

O artista norte-americano Daniel Diehl resolveu fazer uma série de retratos de pessoas que morreram precocemente por causa do cigarro utilizando como matéria prima a fumaça – claro. Este é Edgar Allan Poe. Interessante, não?

Essa obra de arte também é incrível. Abraham Lincoln feito de teclas de um teclado de computador. O retrato foi feito por Doug Powell e tem 4081 teclas em sua composição. Além disso, quatro célebres frases de Lincoln podem ser lidas na imagem: "Everybody likes a compliment"; "A house divided against itself cannot stand"; "The ballot is stronger than the bullet"; "Whatever you are, be a good one".

Essa obra de arte também é incrível. Abraham Lincoln feito de teclas de um teclado de computador. O retrato foi feito por Doug Powell e tem 4081 teclas em sua composição. Além disso, quatro célebres frases de Lincoln podem ser lidas na imagem: “Everybody likes a compliment”; “A house divided against itself cannot stand”; “The ballot is stronger than the bullet”; “Whatever you are, be a good one”.

Uma cidadezinha feita de comida. Ow, delícia, né? :)

Uma cidadezinha feita de comida. Ow, delícia, né? :)

Dá uma olhada com atenção à esta imagem da Diana Ross. Gente, é preciso muito talento pra fazer uma coisa dessas!

Dá uma olhada com atenção à esta imagem da Diana Ross. Gente, é preciso muito talento pra fazer uma coisa dessas!

Menos curiosas, mas muito interessantes, algumas tochas olímpicas também estão no Ripley's. É muito louco ver a evolução no design dessas peças tão importantes na história do esporte mundial.

Menos curiosas, mas muito interessantes, algumas tochas olímpicas também estão no Ripley’s. É muito louco ver a evolução no design dessas peças tão importantes na história do esporte mundial.

A Tower Bridge é sempre linda. Adoramos vê-la feita em palitos.

A Tower Bridge é sempre linda. Adoramos vê-la feita em palitos.

GENTE, ONDE FORAM PARAR AS PERNAS DO MEU MARIDOOO?? =O

GENTE, ONDE FORAM PARAR AS PERNAS DO MEU MARIDOOO?? =O

Não é muitooo legal?? Acho pessoas que conseguem fazer coisas assim muito fuedas.

Não é muitooo legal?? Acho pessoas que conseguem fazer coisas assim muito fuedas.

Dá pra dizer que a gente se divertiu, descobriu coisas novas, curtiu bastante as horas passadas no Ripley’s.

Ah, e também adoramos a vista proporcionada por uma das janelas do museu…

Dá vontade de passar hoooras vendo a vida em Londres acontecer por esta janelinha...

Dá vontade de passar hoooras vendo a vida em Londres acontecer por esta janelinha…

Porém, não acho que seja uma atração que agrade “gregos e troianos” – muita gente acha bobo. Por isso, antes de ir reflita bem sobre o que você curte. Se você for e não gostar não vale dizer que eu não avisei, hein? :)

Com tudo isso em mente, o Ripley’s Believe it or Not ganhou 3 estrelas e meia no nosso ranking estelar. Tiraram pontos o preço e o fato de não ser uma atração que agrada todo mundo.

Ripleys-ranking

A ideia do museu em si muito nos agradou. Acho que o fato de sermos jornalistas colabora para isso, né? Somos loucos por curiosidades. hehe

E aí, o que achou? Vai colocar na sua programação? Se já foi, compartilha sua opinião nos comentários. É sempre bom saber o que você pensa.

Beijobeijo e até o próximo post,

Nah

Serviço

Como disse no começo do post, o Ripley’s fica NA Piccadilly Circus. Ou seja, se você quiser ir de metrô basta descer na estação de mesmo nome, por onde passam as linhas Piccadilly (azul escura) e Bakerloo (marrom).

Mas se seu objetivo é chegar até lá de ônibus, conte com a ajuda dos números 3, 6, 9 , 12 , 13, 14, 15, 19 , 22, 23, 38, 88, 94, 139, e 453. ;)

O Ripley’s abre TODOS os dias do ano quase sempre das 10h à meia-noite (última admissão 22h30), mas os horários de abertura e fechamento podem variar quando eventos corporativos estiverem programados para acontecer lá. Vale a pena ficar de olho no site.

Ficou afim de ir e quer comprar djá seu ingresso? Se você fizer isso clicando na imagem abaixo você ajuda o Pra Ver em Londres a se manter firme e forte. ;)

Ripleys Believe it or Not - London

Dê vida ao Pra Ver em Londres. Comente!

Written by

Jornalista, autora do Pra Ver Em Londres e empreendedora digital. Sou completamente apaixonada por Londres e um dos meus maiores vícios é falar sobre a cidade com quem estiver interessado. Um dos meus objetivos de vida é ajudar as pessoas que querem viajar mais e melhor gastando menos reunindo aqui minhas dicas pessoais de viagem. Tenho sempre cinco livros na cabeceira da cama e milhões de destinos na cabeça. Sou sonhadora por natureza.

Latest comments
  • Se um dia eu tiver a oportunidade de viajar pra Londres vou querer conhecer cada canto. Mas confesso que sou apaixonada mesmo pela arquitetura local. Tem um programa chamado “O mundo visto do céu”, que passa na Discovery HD e fiquei encantada. Mostrou algumas cidades da Inglaterra e seu lindos castelos e as cidades com suas casas de tijolinho. Acho liiiiiindo demais. Claro que tem os museus, parques, entre outras atrações. Mais uma vez gostei muito do post. Bjuuuuuuuuus

  • Sabe que eu imaginava outra coisa? Pensava que esse museu só teria bizzarrice, rs.
    Achei legal também ter umas coisas curiosas e interessantes. Ainda assim acho carinho…
    bjs, amore!

  • Oi natasha, seu blog é mto legaaal ! Parabens ! Bjos

LEAVE A COMMENT