EDITORIAS
Boas histórias de viagem por um casal de jornalistas

Desculpe-me pelo título clichê, mas me senti no direito de falar deste romântico bairro de Londres utilizando o nome do meu filme favorito: Um lugar chamado Notting Hill. =)

Mas prometo ser menos romântica e mais sua amiga, a jornalista que está aqui para dar dicas legais sobre a cidade. Afinal, Portobello Road (onde fica o mercado de rua de Notting Hill) é mais um daqueles lugares que você precisa conhecer quando vem para cá. Portanto, o texto de hoje é para despertar em você a vontade de conhecer esse cantinho da cidade. Venha comigo!

A chegada em Portobello Road

Não é a primeira vez que eu venho a Londres e nem a primeira vez que eu visito Notting Hill – e Portobello Road/Market. E não é só porque amo o romance de Anna Scott (Julia Roberts) e William Thacker (Hugh Grant), no blockbuster hollywoodiano, que preciso passear por aquelas ruas enquanto estou na cidade, mas porque esse lugar tem uma atmosfera contagiante, que dificilmente vou conseguir mostrar apenas escrevendo e mostrando fotos – você precisa mesmo vir pra cá para ver!

Ao subir as escadas do metrô Notting Hill Gate já é possível perceber que por ali as coisas são diferentes do que você vê na grande maioria dos bairros londrinos. Ali, as casinhas iguais são um pouco diferentes; elas têm cor, muita cor. Os mais velhos poderiam dizer que é “de encher os olhos”. Meus irmãos poderiam dizer “irado!”. =)

Na primavera, as cores das flores se somam às cores das casas. Lindo de ver.

Na primavera, as cores das flores se somam às cores das casas. Lindo de ver.

as casas coloridas de notting hill

as casas coloridas de notting hill

Antes mesmo de chegar na Portobello Road, o movimento já começa a se formar – seja nas lojinhas de lembrancinhas da cidade e do bairro, ou nas “moderninhas”, que vendem camisetas com frases divertidas e acessórios que qualquer “menina moderna” iria amar.

Aí, na sequência da caminhada a verdadeira Portobello Road começa a se desenhar. Na primeira esquina, uma parada estratégica: uma barraquinha vendendo waffle de chocolate com morango que a gente teve que comer. Com a coca, gastamos £4,50.

Impossível não querer comer todas as delícias que aparecem na caminhada por Portobello Road. A gente escolheu a primeira que apareceu! =D

Impossível não querer comer todas as delícias que aparecem na caminhada por Portobello Road. A gente escolheu a primeira que apareceu! =D

Descendo a rua, fomos ficando admirados com tudo o que era possível comprar por lá: antiguidades, novidades, lembrancinhas lindas de Londres, cds, roupas, enfim, de tudo um pouco! Ótimo para quem vem com dinheiro e quer voltar com a mala cheia de presentes e de mimos para si mesmo, mas bom também para quem gosta de apenas apreciar coisas bonitas.

Uma das lojinhas logo na entrada de Notting Hill.

Uma das lojinhas logo na entrada de Notting Hill.

Pensa que vender cd não é mais um bom negócio? Dê uma passada por essa banquinha, que fica em uma esquina da Portobello Road e mude seus conceitos. O cara vende no grito; e vende mesmo!

Pensa que vender cd não é mais um bom negócio? Dê uma passada por essa banquinha, que fica em uma esquina da Portobello Road e mude seus conceitos. O cara vende no grito; e vende mesmo!

 

Gosta de foto e de história? No meio de Portobello Road você encontra essa barraquinha que vende relíquias da fotografia.

Gosta de foto e de história? No meio de Portobello Road você encontra essa barraquinha que vende relíquias da fotografia.

Impossível também não parar para ouvir os artistas de rua. No sábado em que estivemos lá eles eram em dois, tocando um som instrumental de fazer até uma criancinha de uns quatro anos parar para brincar com eles.

Não é preciso ser adulto para parar um tempo para admirar dois artistas tocando em frente a um pub lotado. Esse menininho aí passou uns bons minutos pulando em volta dos artistas.

Não é preciso ser adulto para parar um tempo para admirar dois artistas tocando em frente a um pub lotado. Esse menininho aí passou uns bons minutos pulando em volta dos artistas.

E a caminhada seguiu… A gente olhando para todos os lados, observando e comentando tudo até que… a livraria que inspirou o filme (aquele, do título do texto) apareceu em nosso caminho. Ela eu ainda não tinha visitado. Pra quem gosta do romance, estar ali é bom demais. Revivi na memória a cena em que Anna diz para Will que além de uma atriz, ela é apenas uma garota, pedindo a ele que a ame. Lindo, não?!

Só faltou o Will aparecer por ali... Essa foi a livraria que inspirou o meu filme favorito; "Um lugar chamado Notting Hill".

Só faltou o Will aparecer por ali… Essa foi a livraria que inspirou o meu filme favorito; “Um lugar chamado Notting Hill”.

Ok, chega de Natashisses. Deixo vocês com mais algumas fotos do lugar que eu amo e que espero que tenha feito vocês amarem também e, mais para o fim, ficam as informações que você precisa para poder chegar lá.

Ah, e se vier enquanto eu ainda estiver aqui, pode me convidar. =)

Música boa, gente bonita, cerveja gelada no pub, boa companhia, dia de sol... Precisa de mais alguma coisa?!

Música boa, gente bonita, cerveja gelada no pub, boa companhia, dia de sol… Precisa de mais alguma coisa?!

London, baby!

London, baby!

 

Como chegar

Consegui despertar em você a vontade de conhecer Notting Hill? Então, anote aí:

As linhas vermelha (Central Line), verde (District Line) e amarela (Circle Line) do metrô levam você a Notting Hill Gate. De lá, Portobello Road está a poucas quadras, como você confere aqui:


View Larger Map

O mercado funciona de segunda-quarta e sábado das 8h às 19h, na quinta das 8h às 13h e na sexta das 8h às 18h. Ou seja, só não deixe pra ir lá no domingo!

Até o próximo post,

Natasha.

PS: A blogueira Laura, do AboutLondon, fez um post BEM legal sobre as locações de Notting Hill que você pode visitar. Se você é fã do filme, leia (clicando aqui) e programe-se para explorar tudiiiinho! ;)

Dê vida ao Pra Ver em Londres. Comente!

Written by

Jornalista, autora do Pra Ver Em Londres e empreendedora digital. Sou completamente apaixonada por Londres e um dos meus maiores vícios é falar sobre a cidade com quem estiver interessado. Um dos meus objetivos de vida é ajudar as pessoas que querem viajar mais e melhor gastando menos reunindo aqui minhas dicas pessoais de viagem. Tenho sempre cinco livros na cabeceira da cama e milhões de destinos na cabeça. Sou sonhadora por natureza.

Latest comments
  • Naty!!!!!
    Que post mais encantador!
    Adoreiiii tudo o que vc escreveu e sem as suas “Natashisses” não teria graça!! hehehehe
    Saudades amiga!
    beijosss

  • Olá João e Natasha….
    Putz, fim de semana passado estava no tédio, li este post e fiquei com vontade de ir à  Notting Hill, mas no final vi os dias que o mercado funcionava e para azar meu, eu estava em pleno domingão! Que azar!
    No entanto no decorrer da semana, saiu a definição da minha nova família (solicitei mudar de host, mas não vem ao caso!) e para minha surpresa e sorte, ia morar em Notting Hill!
    Cheguei aqui na sexta-feira e vocês não acreditam, moro no último quarteirão de uma rua que morre na Portobello Road! Sensacional!
    No sábado fui até a feirinha e tive que comer uma waffle como o da foto… tinha ficado na vontade! Mas inventei de pedir com morango e Nutella e levei uma facada de 6 pounds! Já vi que aqui não dá para inventar! Rs!
    Só um detalhe faltou no Post… colocar onde fica a livraria que inspirou o filme pois achei ela muito sem querer! E queria ver se vocês sabem onde é a casa que o Hugh Grant “morava” no filme!
    Bom, é isso… mais uma vez parabéns pelo blog! Simplesmente SENSACIONAL!
    E se quiserem marcar um pint, tô a disposição… qualquer programa que quiserem companhia é só chamar! Rs!
    Boa semana pra vocês!

  • Oi Nah, coloco onde acho a livraria… to chegando por ai dia 12 e quero muuuuuuuito ver isso.
    No dia que saiu a confirmação que íriamos para Inglaterra, baixei o filme pra ver de novo.

  • Adorei o poste, mesmo lendo bem atrazada rssssssss, eu amo esse filme mais que tudo! Muito legal a matéria Natasha.

    Bjs Carol =)

  • Natasha

    adorei!!! irei a Londres em junho 2011, e queria mesmo conhecer Notting Hill, mesmo pq também é meu filme preferido.´
    Depois te conto como foi.

  • Amei!!!!
    Vou a Londres pela primeira vez semana que vem (18 a 28 de janeiro).
    POde ter certeza que seu post me ajudou muito!!!

  • Poxa!! Cada vez que leio um texto de vocês, desejo estar em Londres o mais rápido possível, tipo ONTEM sabe? rsrs…
    Irei para Londres em Março ou Abril de 2012(ainda:( ). Vou parar com esse blog, fico cada vez mais ansiosa!!
    Demais o blog de vocês, com uma forma única de descrever e informar sobre Londres!!! Parabéns!!!

    bjss

  • adorei

  • Adorei o seu post e como estou na Inglaterra, irei em Notting Hill tomorrow. Grata por sua generosidade.

  • Bom Dia !!! Incrivelmente fantastico !!

    Natasha acho que realmente preciso de você…rs…vou para Londres assitir alguns eventos da Olimpiada de 2012 e queria muito, muito me hospedar em algum lugar em N. Hill, afinal já vi o filme trocentas vezes…será que que você pode me indicar um lugar, pousada, hotel ou até mesmo pessoas que hospedem turistas lá ? Muito Obrigado !!! Mário.

  • Oi Naty…. vou fazer minha primeira viagem como mochileiro em março de 2012. Primeira viagem e vou sozinho… Londres está no meu roteiro e claro que vou passar uma uma manhã de sábado em Notting Hill… Mas fazendo umas pesquisas agora, olha que notícia triste que eu encontrei: “Livraria do filme “Notting Hill” fecha ao fim de 32 anos”

    A matéria diz: Embora dezenas de pequenas livrarias locais se tenham visto obrigadas a encerrar em todo o Reino Unido por causa da concorrência das grandes cadeias e das vendas pela internet, esse não parece ter sido o motivo que forçou à venda do emblemático estabelecimento.

    O seu proprietário desde há 25 anos reside na França e decidiu desfazer-se de “The Travel Bookshop” porque o seu único filho não quer encarregar-se do negócio.

    Triste né… =( essa notícia é de agosto de 2011, então é meio recente. Mas vi isso em mais de um site…

    Lógico que não vou deixar de visitar Notting Hill por conta disso e mesmo assim vou dar uma olhada no que existe agora no lugar da livraria..

    Obrigado pelo Blog e feliz 2012!!!

  • ola natasha meu nome e sabrina em 15 de maio de 2012 vou para londre pq e meu aniverssario de 15 anos so q nao conheco muito la em NOTTING HILLS sera q pode me dar algumas dicas???se possivel resposta

  • Oi,Natasha!Sou estudante de moda na Universidade Candido Mendes no Rio de Janeiro,estou no ultimo período e tenho que fazer meu TCC. O tema deste semestre é Londres e eu escolhi como sub tema o bairro de Notting Hill, focando a minha coleção na feira da Portobello Road. Infelizmente nunca saí do Brasil, Mas me apaixonei por Notting Hill quando assisti o filme.Então achei uma excelente oportunidade de pesquisar sobre o assunto. Gostaria de lhe pedir um favor. Vc pode me dar algumas dicas de onde encontrar bastante informação sobre o bairro em português? Obrigada Bjs

  • Eu tenho mais uma sugestão.
    Se tiver tempo, sugiro pegar um ônibus para chegar até lá, tem alguns lugares no caminho q são tão bonitos quanto as ruas de Nothing Hill.

    Eu costumava pegar o 52 (com parada inicial na Victoria Station).
    Demora uns 20 minutos até lá, mas vale muito a pena.
    :)

  • Olá Natasha,
    Nunca fui a Londres, aliás nunca saí do Brasil,não falo inglês e mesmo assim estou aqui admirando todos os seus post’s tendo a sensação que já conheço Londres e Notting Hill de tão prazerosa que é a leitura aqui.
    Em fevereiro de 2015 (AINDA…) irei a Londres, uma Lua de mel atrasada, e de todos os blogs o seu foi o melhor que vi, serviu para aguçar mais ainda o desejo e a ansiedade que estou para que chegue logo o dia de realizar meu sonho.
    Obrigada e parabéns

  • Ei, você ainda está em londres? Estou indo, e quero conhecer Notting Hill! rs

LEAVE A COMMENT